Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2010

A Vingança - Parte XXXIV

Imagem
Fazia tempo que eu não postava vingança feminina, mas minha amiga Rose Maria me mandou esta e achei ótima!Obrigada Rose! kkkkkkkkkkkkkkk
O homem está na cozinha, fritando um ovo, quando chega a esposa e começa a gritar como uma louca:
- JOGA MAIS ÓLEO! JOGA MAIS ÓÓÓÓÓÓÓÓLEOOOOO!
- VAI GRUDAR NO FUUUUUUUNDO ... CUIDADO! VIRA, VIRA, ANDA VIRA ...
RÁPIDO! CUIDADO! CUIDADO! VAI espirrar
PARECE QUE VOCÊ É LOUCO. Vai entornaaaar VAI ... AI, MEU DEUS!
O SAAAAAAAALLLLL !!!!! NÃO ESQUECE O SAAAAAAAAAALLLLLLLL!
O homem, irritado com os berros, pergunta:
- Por que é que você está fazendo isto?!? Você acha que eu não sei fritar um ovo?
A esposa, bem calma, responde:
- Isto é só para você ter uma idéia do que você faz comigo quando eu dirijo ...

Homem contrai dívidas para estudar doença do filho, mas Justiça evita despejo em Curitiba

Imagem
Uma decisão inédita da Justiça reverteu verba do fundo pecuniário – dinheiro recolhido de condenações judiciais – para quitar a casa de um pai que abandonou o emprego para pesquisar a doença rara e incurável do filho. Ele seria despejado por falta de pagamento.

A história – que lembra a do filme "Óleo de Lorenzo" (George Miller, 1982) – aconteceu em Curitiba (PR). O engenheiro mecânico Adolfo Celso Guidi, 52, deixou o cargo de gerente de uma concessionária em 2000, ao descobrir que o filho Vitor Giovani Thomaz Guidi, à época com dez anos, tinha gangliosidose GN1 tipo 2.

"A doença começou a se manifestar quando ele tinha quatro anos. Nenhum médico no Brasil conseguiu fazer o diagnóstico. Larguei tudo e fiquei uma semana em Buenos Aires com minha família, onde diagnosticaram a Gangliosidose. Quando eu retornei para o Brasil, um médico me disse que não tinha o que fazer", afirmou Guidi à Folha.

O engenheiro, inconformado com a resposta, começou a estudar a doença na bibl…

MODELO DE PETIÇÃO PARA INTERNAÇÃO INVOLUNTÁRIA DE DEPENDENTES QUÍMICOS

Informo que todas as ações que propus a pedido de vítimas e familiares de dependentes químicos em razão de atuar na vara de violência doméstica não foram acatadas pela Justiça. Portanto, antes de copiar o modelo peço a todos(as) que leiam este post aqui. É muito importante. Já leu?

Propor um processo deste tipo não é o melhor caminho. Obrigada pela atenção!

Alguns esclarecimentos:

A internação compulsória é determinada em casos de processos criminais onde o réu sofre medida de segurança  lei antimanicomial (10.216/02).

No caso de internação involuntária, com base em relatório médico devidamente fundamentado, havendo risco para o paciente ou para terceiros em função do surto pelo qual passa o paciente, o próprio médico pode internar involuntariamente com autorização de familiares, quando então deverá comunicar o Ministério Público.

Há controvérsias a respeito da legalidade deste artigo uma vez que contraria princípios da Constituição Federal: Autonomia Individual e Dignidade da Pesso…

MODELO DE RESPOSTA PRELIMINAR DE INFRAÇÃO À LEI MARIA DA PENHA

EXCELENTÍSSIMA SENHORA DOUTORA JUÍZA DE DIREITO DA VARA ESPECIALIZADA EM VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA A MULHER DA COMARCA DE VÁRZEA GRANDE / ESTADO DE MATO GROSSO



Autos nº 24/2010

Código: 237194

Ação Penal – Ameaça – artigo 147, c/c Lesão Corporal – art. 129, § 9º CPB

Autor: M.P.E.

Réu:

Vítima: RÉU PRESO















, já qualificado nos autos do processo em epígrafe, por intermédio da DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE MATO GROSSO, pela Defensora Pública titular da 7ª D.P./V.G., no âmbito de suas atribuições legais e institucionais, vem, respeitosamente à presença de Vossa Excelência, em cumprimento ao que determina o artigo 396 do Diploma Processual Penal, modificado pela Lei nº 11.719/2008, apresentar





RESPOSTA PRELIMINAR,





de conformidade com as razões fático/jurídicas que doravante passa a expender:



I – SÍNTESE DA DENÚNCIA



Em sua proemial acusatória, o M.P.E. atribui ao defendente a autoria dos delitos tipificados nos artigos 147, caput e artigo 129, ambos do CPB, em relação à vítima ...…

Briga de Casal - Juiz e Advogada

Imagem
Desajeitado, o magistrado Dr. Juílson tentava equilibrar em suas as mãos, a cuia, a térmica, um pacotinho de biscoitos, e uma pasta de documentos.

Com toda esta tralha, dirigir-se-ia para seu gabinete, mas ao dar meia volta deparou-se com sua esposa, a advogada Dra. Themis, que já o observava há sabe-se lá quantos minutos. O susto foi tal que cuia, erva e documentos foram ao chão. O juiz franziu o cenho e estava pronto para praguejar, quando observou que a testa da mulher era ainda mais franzida que a sua.

Por se tratarem de dois juristas experientes, não é estranho que o diálogo litigioso que se instaurava obedecesse aos mais altos padrões de erudição processual.

– Juílson! Eu não agüento mais essa sua inércia. Eu estou carente, carente de ação, entende?

– Carente de ação? Ora, você sabe muito bem que, para sair da inércia, o Juízo precisa ser provocado e você não me provoca, há anos. Já eu dificilmente inicio um processo sem que haja contestação.

– Claro, você preferia que o processo cor…

Seminário “Nome Social: do legal ao (i)moral

Imagem
"Ninguém vive bem sua sexualidade numa sociedade tão restritiva, tão hipócrita e falseadora de valores; uma sociedade que viveu a experiência trágica da interdição do corpo com repercussões políticas e ideológicas indiscutíveis; uma sociedade que nasceu negando o corpo. Viver plenamente a sexualidade sem que esses fantasmas, mesmo os mais leves, os mais meigos, interfiram na intimidade do casal que ama e que faz amor, é muito difícil. É preciso viver relativamente bem à sexualidade. Não podemos assumir com êxito pelo menos relativo, a paternidade, a maternidade, o professorado, a política, sem que estejamos mais ou menos em paz com a sexualidade." Paulo Freire OBJETIVO: Promover a discussão a respeito da polêmica questão do nome social para as pessoas transexuais e travestis – estudantes da UFMT – como respeito à cidadania e a dignidade da pessoa humana.Data: 15/06/2010Local: Teatro da UFMTHorário: 08 às 22 horasORGANIZAÇÃO E COORDENAÇÃO:GRUPO DE ESTUDOS EM DIREITOS HUMANOS …

NIVER DO BLOG

Imagem
Gente!

Hoje faz três anos que meu blog está no ar!

Em breve vocês verão um novo formato para este cantinho.

Beijo e obrigada por estarem comigo!

MULHER MADURA

Imagem
Queridos(as) extraí este texto do blog da professora Simone
Ao lê-lo me senti tão bem!

O rosto da mulher madura entrou na moldura de meus olhos. De repente, a surpreendo num banco olhando de soslaio, aguardando sua vez no balcão. Outras vezes ela passa por mim na rua entre os camelôs. Vezes outras a entrevejo no espelho de uma joalheria.
A mulher madura, com seu rosto denso esculpido como o de uma atriz grega, tem qualquer coisa de Melina Mercouri ou de Anouke Aimé.
Há uma serenidade nos seus gestos, longe dos desperdícios da adolescência, quando se esbanjam pernas, braços e bocas ruidosamente. A adolescente não sabe ainda os limites de seu corpo e vai florescendo estabanada. É como um nadador principiante, faz muito barulho, joga muita água para os lados. Enfim, desborda.
A mulher madura nada no tempo e flui com a serenidade de um peixe. O silêncio em torno de seus gestos tem algo do repouso da garça sobre o lago. Seu olhar sobre os objetos não é de gula ou de concupiscência. Seus olhos n…